As Armadilhas do Mercado Livre

O Mercado Livre você conhece sem dúvidas. Mas você já ouviu falar em algumas ‘armadilhas’ que podem te pegar de surpresa neste marketplace? Vem comigo!

Uma ótima opção para pequenos e médios e-commerces é entrar no mundo dos marketplaces, os famosos ‘shoppings virtuais’ que oferecem grandes oportunidades de venda aos lojistas. Além de melhorar a visibilidade da loja, os anúncios são expostos a um grande fluxo de pessoas, o que, consequentemente, aumenta as chances de conversão. Pelo menos essa é a teoria.

Um dos gigantes deste cenário é o Mercado Livre, que atualmente é considerado o maior site de compra e venda da América Latina. E se tratando de marketplace, não podemos deixar de conhecer seus diferenciais e a evolução do site desde a sua criação.

Mercado Livre Marketplace

Criado em 1999, na Argentina, por Marcos Galperin e Hernan Kazah, a empresa surgiu com o intuito de democratizar o comércio eletrônico, com uma plataforma que está em constante evolução e oferece diversos serviços para que pessoas e empresas possam comprar, pagar, vender, enviar, anunciar e gerir seus negócios na Internet.

O Mercado Livre está presente em 18 países e é atualmente o maior marketplace da América Latina.


Em uma palestra online para o Marketplace Summit, Cristina Farjallat que é Head de Marketplace do Mercado Livre, trouxe dados impressionantes que apontam uma grande evolução desse canal de vendas. Em apenas um segundo, mais de 6.000 buscas e 9 compras são realizadas, sendo que 90% dos produtos vendidos são novos. Sem falar que existem 12 milhões de vendedores e lojistas lutando para conquistar seu espaço e anunciando produtos, veículos, imóveis e serviços a milhões de compradores.

Serviços Oferecidos pelo Mercado livre

Centro de Vendedores: Criado para orientar empreendedores do marketplace, com dicas e conteúdos que ajudam a desenvolver e otimizar seus negócios.

Mercado Pago: Oferece soluções de pagamentos que garantem segurança às transações realizadas no Mercado Livre, além da disponibilidade de diversas formas de pagamento, como opções de cartão de crédito e boletos. Após a provação do pagamento, o lojista pode fazer a entrega do produto sem preocupações.

Mercado Envios: É a gestão de logística do Mercado Livre.

Em parceria com operadoras de logística, o serviço oferece solução para o cálculo de frete e a impressão de etiquetas pré-pagas. Também oferece o serviço de Coleta, disponibilizando embalagens próprias aos vendedores, além de fazer a retirada e a entrega do produto, ou seja, entregas mais rápidas e dentro do prazo!

Em 2017 lançou o serviço fulfillment que realiza a gestão de armazenamento da embalagem e entrega de produtos de diversos vendedores a partir de um centro de distribuição, incluindo também o serviço de pós-venda e atendimento ao cliente.

Mercado Shops: Uma ferramenta para criar uma loja online com domínio próprio e layout personalizado.

Mercado Livre Publicidade: Utilizado para comercializar a publicidade dentro da plataforma do marketplace. Em parceria com a Rubicon e o Google, eles vendem e gerenciam campanhas de links patrocinados, banners, Native Ads, Product Ads, Vídeo Banner, projetos de branding e performance.

Os números do Mercado Livre

No ano de 2017, o gigante dos marketplaces marcou 211 milhões de usuários registrados na América Latina, com uma receita líquida de 1,4 bilhões de dólares e mais de 3.000 lojas oficiais de marcas de diversas categorias.

Neste mesmo ano, atingiram a marca de 1 milhão de itens vendidos em um dia, e 1 milhão de transações no Mercado Pago em 24 horas.

No Brasil, segundo estudo da ComScore de janeiro de 2018, o MercadoLivre.com é o maior site de comércio eletrônico e está no ranking dos 10 sites de maior audiência no país.

Além disso, o Mercado Livre é o  site mais acessado da Internet, com 52 milhões de visitantes únicos por mês e hoje, a empresa vale cerca de US$ 15 bilhões!


Os números são realmente impressionantes! Mas, para iniciar uma loja dentro do Mercado Livre, você vai precisar além de dedicação e esforço, ter jogo de cintura.

Na prática, estar lado a lado com as maiores marcas do varejo e exposto nas vitrines dos maiores e-commerces do mercado é muito desafiador para um lojista, principalmente para um lojista iniciante com uma marca nova no mercado. Mas o fato é que ambos, tanto o ‘calouro’ quanto o ‘veterano’, não estão preparados para ‘entrar no ringue’.

E acreditem, por trás de tantos serviços e inovações que o Mercado Livre oferece, algumas situações desconfortáveis acontecem ao lojista dentro da plataforma, por isso é importante saber alguns obstáculos que você irá enfrentar no seu caminho para se tornar um vendedor de sucesso dentro do marketplace.

Para você que quer começar a vender no Mercado Livre, vamos deixar aqui algumas armadilhas que você possivelmente irá enfrentar em sua jornada como vendedor. Confira:

Armadilha do Cadastro no Marketplace

Muitos marketplaces demoram em torno de 24hs e podem chegar a semanas para darem retorno a respeito de uma parceria com o lojista. Diferente disso, o Mercado Livre é rápido e muito simples: basta para criar uma conta como vendedor e seu cadastro é aprovado na hora.

Um vendedor iniciante cheio de expectativas, fica radiante ao ver sua conta ser criada em alguns minutos. Porém, mal sabe ele que terá que enfrentar objetivos estipulados pelo próprio marketplace para conseguir um ‘lugar ao sol’ dentro da plataforma.

Mal fez o cadastro e precisa ter no mínimo 10 vendas efetivas, com prazo de postagem em 24hs, sem atraso e sem reclamações; os anúncios precisam estar impecáveis; as perguntas dos clientes têm que ser respondidas em menos de 2hs e não é permitido ativar as campanhas de publicidade. Tudo isso sem estar no ranking de pesquisa!

Sem falar que, se você optar por não utilizar os serviços oferecidos pelo Mercado Livre, como por exemplo, o Mercado Envios, você já está ficando para trás.

Armadilha do Comprador Golpista

Situações onde o vendedor sai prejudicado por um golpe são bem comuns nesta plataforma. Caso você não utilize o serviço do Mercado Pago, não terá a garantia de que o pagamento foi realmente realizado.

E mesmo utilizando o serviço do Mercado Pago, você ainda corre o risco de um cliente abrir uma reclamação para pedir a devolução do produto, e te devolver uma caixa com um objeto qualquer ou até mesmo seu produto violado propositalmente.

Existem aqueles compradores que agem de má fé e pedem a devolução do produto por ficarem, simplesmente, insatisfeitos. A pessoa analisou o título, a imagem do produto estava fiel ao que foi oferecido e a sua descrição bem detalhada, mas ainda assim, eles estão lá para testar a paciência do vendedor.

Armadilha da Concorrência Desleal

A competitividade faz parte do dia a dia dos varejistas. Mas ao invés das empresas tentarem se destacar por mérito próprio, muitas se utilizam de métodos antiéticos para prejudicar a imagem do outro por se sentirem ameaçados. É muito comum ver comentários desnecessários sobre o lojista e reclamações sem fundamento.

O lojista iniciante precisa lidar também com as grandes marcas, que investem facilmente milhões em estratégias de marketing e estão competindo com ele lado a lado. Além de assustador é injusto.

Armadilhas da Reputação

O Mercado Livre utiliza um sistema de reputação e qualificação para destacar vendedores que oferecem uma boa experiência de vendas, baseando-se em fatores como: atendimento ao cliente, prazo de postagem dos produtos e alguns outros objetivos que o marketplace impõe e analisa se são cumpridos fielmente. Detalhe: o vendedor pode progredir como também pode regredir.

Porém, não depende apenas de você. Estamos falando de um ambiente onde existe concorrência e compradores desleais, que usam de má fé e podem prejudicar todo seu esforço. A reputação tão almejada pode ser perdida num piscar de olhos!

Se o lojista perder sua reputação, ele precisará cumprir novos objetivos, um deles é fazer novas vendas. Mas aí começamos a questionar:

Como um vendedor sem reputação, sem estar no ranking de pesquisa, disputando ao lado de grandes marcas e sem uma ferramenta que ajude na sua performance dentro da plataforma, conseguirá efetivamente alcançar essas vendas?

É uma situação desestimulante para qualquer vendedor honesto.

Armadilha das Contas Bloqueadas/ Suspensas

Alguns usuários já tiveram suas contas bloqueadas injustamente, sem mais nem menos. O Mercado Livre envia um e-mail com uma justificativa automática deixando o lojista sem acesso as vendas já realizadas e todo o restante do conteúdo da plataforma.

Armadilha da Dependência do Marketplace

O mundo dos marketplaces está em constante mudança, e quando tratamos de um gigante do mercado isso não é diferente. São várias categorias e segmentos de produtos além de serviços do ‘MELI’ que podem ser acrescentados ou retirados a qualquer momento.

Novas categorias e mudanças positivas que só trazem benefícios aos lojistas são sempre bem-vindas. Mas quando temos mudanças como: novas regras de frete e de entrega desfavoráveis e, principalmente, remoção de categorias e segmentos inteiros de produtos, será que você vai estar preparado para este impacto no seu negócio?


E nessa arena de guerra tão grande que é o Mercado Livre, os grandes ficam ainda maiores e investem cada vez mais em estratégias de marketing, enquanto os pequenos empreendedores lutam por um bom tempo para fazer suas marcas serem conhecidas, para atingirem os objetivos, alcançar uma reputação bacana e começar a ter um retorno positivo de todo o seu investimento. Não é tão simples como muitos dizem por aí. Requer persistência no meio de um mercado repleto de concorrência desleal.

 

Gestão e implantação de marketplaces – Copyright © 2019 Projecttus

Receba artigos e materiais gratuitos

Cadastre seu e-mail e fique por dentro das novidades, com dicas e artigos do mundo dos negócios on-line.

Mais do nosso blog

Ver todos os posts